Microagulhamento Capilar: Adeus à calvície e alopecia (queda de cabelo)

Curso

O Microagulhamento Capilar tem sido uma alternativa para o público masculino e feminino dar definitivamente adeus a calvície, ou seja, a queda de cabelo que também recebe o nome de alopecia.

Este é um novo tratamento que vem sendo muito utilizado em clínicas de dermatologia para resolver problemas relacionados a calvície.

Chamado de MICROAGULHAMENTO CAPILAR o tratamento consiste em passar sobre o couro cabeludo um aparelho que recebe o nome de roller.

Nele existe centenas de microagulhas que tem como objetivo fazer microperfurações na região onde não há cabelo.

Microagulhamento Capilar

Desta maneira são liberados alguns fatores de crescimento que permitem o crescimento de cabelo em locais onde o paciente já estava ficando careca ou com poucos fios.

Se você está passando por esse problema relacionado a calvície confira neste artigo tudo que você precisa saber sobre o microagulhamento no couro cabeludo.

A calvície, que tem o seu nome científico alopecia, é um dos problemas que pode acabar com a autoestima tanto de homens quanto de mulheres.

Por esse motivo cada vez que surge um novo tratamento há um alvoroço na internet principalmente à procura de resultados realmente eficazes para a queda de cabelo.

O que é Microagulhamento Capilar? Para que serve?

O microagulhamento, também chamado de IPCA (Indução Percutânea de Colágeno com Agulhas) é um tratamento que já está sendo bastante utilizado em clínicas de dermatologia e também em centros estéticos que permite renovar a pele e também o couro cabeludo.

Este é um tratamento que se popularizou no Brasil depois de diversos artistas exporem os seus resultados através de suas redes sociais.

Isto causou um grande ‘boom‘ e sem dúvida o microagulhamento é um dos tratamentos mais procurados em consultórios dermatológicos e estéticos.

Bastante utilizado principalmente para eliminar cicatrizes de acne, estrias, rugas e linhas de expressão, o microagulhamento capilar surge para resolver um problema relacionado ao couro cabeludo que na verdade é a calvície, ou seja, a queda de cabelo.

Embora não haja muitas bases científicas sobre resultados é bastante comum encontrar na internet reviews de pessoas que fizeram o microagulhamento no cabelo e tiveram resultados incríveis.

Como funciona o tratamento no couro cabeludo

Basicamente o microagulhamento capilar funciona da mesma forma que o microagulhamento para cicatrizes de acne.

O primeiro passo é o paciente encontrar um profissional que faça esse tipo de tratamento.

Após uma análise da situação o profissional irá criar um protocolo específico para o paciente.

Com tudo especificado e estando tudo de acordo com o paciente é marcado o início para a sessão de microagulhamento.

Antes da sessão geralmente é aplicado um anestésico tópico para amenizar possíveis incômodos e dores por conta das microfissuras que serão feitas no couro cabeludo.

Iniciando a sessão o profissional irá deslizar sobre o couro cabeludo o roller, também chamado de Dermaroller, na região onde existe a calvície aplicando uma força moderada.

Vale lembrar que após o profissional conversar com o paciente sobre o tratamento ele deve especificar o tamanho das agulhas que serão utilizadas que podem variar de 0,5 mm até 3 mm.

Por esse motivo, dependendo do tamanho da agulha, pode ocorrer pequenos sangramentos durante a sessão.

No entanto, isto é absolutamente normal e em alguns casos o dermatologista, ou outro profissional habilitado, pode fazer a utilização do chamado ‘drug delivery‘ onde ele pode associar outros produtos para ter ainda melhores resultados.

Em alguns casos o profissional também pode associar ao tratamento a utilização de leds e alta frequência.

Terminada a sessão, tratamento também pode ocorrer alguma irritação da pele e também uma vermelhidão por algumas horas após a sessão de microagulhamento capilar.

Já em casa, o profissional ainda pode receitar alguns produtos como, por exemplo, shampoo ou tônico para cabelo além de cápsulas que podem ser tomada via oral.

Tudo isso pode variar bastante de paciente para paciente, portanto, é muito importante se consultar com um profissional habilitado para fazer esse tipo de tratamento no cabelo para que no final o paciente tenha resultados realmente satisfatórios.

No vídeo abaixo você pode conferir como é feito o microagulhamento capilar:

httpv://www.youtube.com/watch?v=embed/e4whw3ZlkmM

O tratamento doi?

Um dos principais empecilhos para um homem ou mulher fazer o microagulhamento na cabeça diz respeito a dor.

Mas afinal, o microagulhamento capilar dói?

Esta é uma pergunta muito pessoal e difícil de responder.

Dor varia muito de pessoa para pessoa e o que nós percebemos é que algumas pessoas relatam que o microagulhamento capilar doi bastante enquanto que outros dizem que não se tem qualquer tipo de dor, apenas um incômodo no momento em que o Dermaroller é deslizado sobre a pele.

Um fato muito importante relacionado a dor é em relação ao tamanho das agulhas.

Antes de fazer o microagulhamento é importante especificar qual o tamanho da agulha necessária para ter bons resultados com o tratamento.

O tamanho dessas agulhas varia de 0,5 mm até 3 mm, o que podemos concluir que quanto maior o tamanho da agulha maior deve ser a dor, porém, por outro lado quanto maior o tamanho da agulha maior serão os resultados obtidos com tratamento.

Microagulhamento Capilar: Antes e Depois

A melhor maneira de se comprovar se o tratamento funciona é acompanhando o antes e depois do microagulhamento para queda de cabelo.

A seguir vou deixar um vídeo do Rivaldo que fez a associação do microagulhamento no couro cabeludo com o Minoxidil e, segundo ele, foi o melhor tratamento para queda de cabelo que ele já fez.

Através do vídeo é possível conferir como ele faz o tratamento e também o antes e depois.

Confira o vídeo:

Ebook Grátis para Esteticistas

Por ser um tratamento ainda recente não existe muita literatura médica e nem estudos científicos sobre os reais resultados do microagulhamento capilar.

No entanto, o tratamento já é bastante conhecido no Brasil e muitas clínicas dermatológicas e estéticas já fazem o tratamento, inclusive com resultados satisfatórios aos clientes.

No vídeo acima nós vemos que o paciente está bastante feliz com os resultados do microagulhamento capilar e o seu antes e depois.

Mas a grande verdade é que para ter resultados satisfatórios o melhor é procurar um profissional capacitado, seja ele um dermatologista ou profissional da área estética.

Com a popularização do tratamento houve um despertamento dos profissionais estéticos e dermatológicos por cursos de microagulhamento, portanto, em todo o Brasil não é difícil encontrar médicos e esteticistas especializados no tratamento.

Os tratamentos podem variar de pessoa para pessoa e também de acordo com o grau da calvície do paciente.

Protocolo utilizado

Quando falamos de estudos científicos podemos lembrar que em 2013 foi feito um estudo na Índia onde foram avaliadas 100 pessoas do sexo masculino com idade variando entre 20 e 35 anos que tinham alopecia androgenética.

O protocolo de tratamento de microagulhamento capilar consistiu em 3 meses de duração.

Todos eles aplicavam no couro cabeludo 5% de Minoxidil duas vezes por dia e metade deles faziam sessões de microagulhamento toda semana.

Como resultado os homens que utilizaram a associação do tratamento com microagulhas junto com o Minoxidil tiveram resultados bem satisfatórios do que os que só usavam o medicamento.

Houve também a utilização do microagulhamento para tratamento de alopecia areata, que é uma doença auto-imune onde há queda de tufos de cabelo deixando marcas bem aparentes.

Neste caso, também foi utilizado o mesmo tratamento, porém, apesar da pouca melhora, não existe um estudo mais aprofundado se o microagulhamento capilar realmente funciona nestes casos.

Por esse motivo há bastante controvérsia se o microagulhamento no tratamento de queda de cabelo funciona ou não.

A falta de estudos mais aprofundados inviabilizam uma resposta mais técnica e uma evidência científica sobre o assunto.

É importante ressaltar que mesmo sendo um procedimento pouco invasivo ainda é possível aparecer alguns efeitos adversos como possíveis infecções, alguns hematomas, em alguns casos pode acontecer até o aumento da queda de cabelo.

No entanto, o que podemos concluir é que navegando pela internet é possível encontrar muitos relatos de pessoas que afirmam que o microagulhamento funciona em alguns casos.

Uma boa maneira de encontrar esse tipo de relato é navegando pelo YouTube onde vemos diversos vídeos de pessoas bastante esperançosas em relação ao microagulhamento capilar, principalmente quando associado a uso de produtos tópicos como o próprio Minoxidil.

Preço de uma sessão

Se você chegou até aqui provavelmente está bastante otimista e esperançoso com o tratamento de microagulhamento capilar.

Provavelmente também deve estar se perguntando qual é o preço de uma sessão desde tratamento que promete favorecer o crescimento de novos fios no cabelo cabeludo.

Hoje, no Brasil, é possível encontrar tratamento de microagulhamento em centros dermatológicos e também estética.

Os preços podem variar bastante de um profissional para outro, no entanto, geralmente as consultas e o tratamento com dermatologistas costumam ser um pouco mais caras do que com esteticista.

Mas isso não quer dizer que não é possível ter bons resultados em clínicas de estética pois existem excelentes profissionais capacitados no mercado.

Uma sessão de microagulhamento custa em média de R$ 150 até R$ 700 dependendo de vários fatores como cidade, especialização do profissional e material utilizado.

Outro ponto a ser levantado é que apenas uma sessão de microagulhamento capilar provavelmente não será suficiente para resolver o problema da calvície, ou seja, da queda de cabelo.

Geralmente será necessário mais de quatro sessões que podem variar de caso para caso.

Portanto, se você está pensando em fazer o microagulhamento capilar é importante ter em mente que será necessário pelo menos quatro sessões para ter resultados mais significativos.

Isso sem contar que o médico ou profissional habilitado para fazer o tratamento pode indicar a utilização de outros produtos para otimizar ainda mais os resultados.

Microagulhamento Capilar Feminino

Os problemas relacionados a calvície geralmente estão direcionados ao público masculino.

No entanto, há também muitas dúvidas se o microagulhamento no couro cabeludo feminino tem resultados satisfatórios e eficazes para as mulheres.

O que podemos dizer é que esse tratamento também é utilizado para resolver problemas de calvície e queda de cabelo no público feminino.

O tratamento é bem parecido com o dos homens e os resultados também são bastante satisfatórios em relação as mulheres.

Nesses casos o melhor a se fazer é se consultar com um profissional para que ele possa fazer uma avaliação do caso e ver se o microagulhamento capilar feminino é a melhor alternativa ou se existe outro tratamento para acabar com a calvície nas mulheres.

Artigo Científico sobre Eficácia (Pdf)

Por ser um tratamento bastante novo, uma maneira de saber se os resultados do microagulhamento capilar são eficazes é através de estudos e artigos científicos sobre o assunto.

A Unifia fez um estudo sobre tratamentos para alopecia androgenética onde foram propostos três tratamentos, entre eles o microagulhamento.

No final do artigo você encontra o link para o artigo científico em PDF do artigo sobre microagulhamento capilar que após um estudo teve como conclusão que o microagulhamento isoladamente não tem tanta eficácia quando associado ao uso de outros fatores de crescimento e também com associação de laser terapia.

Curso para Esteticistas

Se você está em dúvidas sobre resultados e eficácia do tratamento recomendo que leia o artigo na íntegra para tirar suas próprias conclusões sobre o microagulhamento capilar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *